ARACAJU - SE -
Ouvidoria: 0800-0791520       
Agrese encerra reuniões das câmaras técnicas

As reuniões das câmaras técnicas de saneamento, assuntos jurídicos, petróleo e gás, encerraram seus trabalhos na última sexta-feira, 29, com uma boa avaliação. O evento realizado em dois dias, foi uma promoção da Associação Brasileira de Agências de Regulação (ABAR) que teve a Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Agrese), como anfitriã.

O último dia do evento, foi dedicada a realização de debates de diversos grupos técnicos, a exemplo de: Indicadores de desempenho com o Projeto acertar; Resíduos Sólidos: modelos de gestão integrada dos resíduos sólidos dos municípios integrantes do Consórcio Público do Agreste Central (CPAC) e do Consórcio Público de Saneamento Básico e Resíduos Sólidos do Sul e Centro Sul Sergipano (CONSCENSUL); Propostas nos Procedimentos de Manifestação de Interesse (PMI´s), promovidos pela Agrese; Projeto Regulares - Resíduos Sólidos com Ministério do Planejamento, Abar e Agência Francesa de desenvolvimento; Projetos do governo federal para o saneamento; participação dos usuários e governança com agenda regulatória da Arsesp; Brasil: Desafios e Avanços; e Divulgação dos temas jurídicos para o XI Congresso Brasileiro de Regulação, dentre outros.

Para o diretor presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira, os debates cumpriram seus objetivos. "Esse evento promove a mútua colaboração entre as agências associadas e os poderes públicos, sempre na busca do aprimoramento da regulação, fiscalização e da capacidade técnica", avaliou Luiz Hamilton Santana de Oliveira.

"Gostaria de parabenizar toda a Diretoria e os técnicos da Agrese pela iniciativa apresentada na CTSan, Grupo de Resíduos Sólidos, compartilhando a solução adotada no estado de Sergipe, na busca pela erradicação de lixões. A disposição correta dos Resíduos Sólidos se mostra mais viável com soluções regionais, através de consórcios públicos, e a implantação de uma PPP pode ser um diferencial. Conforme apresentado pelo Presidente do Conselho Superior da Agrese e da Comissão Especial Mista de Trabalhos das PMI´s, Joelson Hora, a Agrese terá papel fundamental na regulação e fiscalização desses serviços", parabenizou Regislany Ribeiro, que coordenou os trabalhos do Grupo Técnico de Resíduos Sólidos na CTSan, especialista em Regulação da Arsesp.


"Fiquei muito contente com os avanços apresentados pela Agrese, com destaque para os procedimentos de fiscalização técnica, com utilização de tablets e check list automatizado, que agilizam na fiscalização e a elaboração dos relatórios. Além disso o acompanhamento de parâmetros de qualidade da água podem ser utilizados para elaboração de indicadores de acompanhamento da qualidade da prestação dos serviços da Deso. Outro destaque é a solução para os resíduos sólidos, através de consórcios para tratar da solução de forma conjunta. Acredito nesse caminho e a Agrese terá papel fundamental para o sucesso dessa inicativa. Parabéns à todos da Agrese, na pessoa do Diretor Técnico Jean Carlos Nascimento, e seu Presidente Luiz Hamilton Santana de Oliveira, pela organização da CTSan e pelo belo trabalho da Agrese. Sucesso," finalizou Luiz Antonio Oliveira Junior, que coordenou os trabalhos do Grupo Técnico de Qualidade, especialista em Regulação da Arsesp.


Ascom/Agrese















Postado: 01/04/2019

 

Nosso Contato

TEL: (79) 3218-2700

OUVIDORIA: 0800-0791520

E-MAIL: gabinete.agrese@agrese.se.gov.br

Correspondência:
Avenida Marieta Leite, nº 301, Bairro Grageru

CEP: 49027-190 

Atendimento: Segunda a Sexta das 7:00 às 13:00
      Todos direitos reservados © Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe