Gestores da Agrese conhecem estudos preliminares do sistema de transporte intermunicipal

O plano diretor do Sistema de Transporte Rodoviário Intermunicipal de Passageiros no Estado de Sergipe foi o tema de uma reunião apresentada nesta quarta-feira, 17, no auditório da Seinfra, com as participações de membros da diretoria executiva e profissionais da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Agrese) e da Secretaria de Estado de Infraestrutura. O plano prevê a adequação do serviço, ao atual cenário geográfico, demográfico e de infraestrutura do Estado de Sergipe.

Considerado necessário há alguns anos, a elaboração do plano é uma proposta que deverá ser retomada numa ação conjunta do Governo de Sergipe, Seinfra e a Agência Reguladora que passa a ter competência sobre o serviço, após aprovação do projeto de lei.

De autoria do Poder Executivo, o projeto de lei que tramita na Assembléia Legislativa (AL), passa a responsabilidade de fiscalizar e regular o Sistema de Transporte Rodoviário Intermunicipal de Passageiros no Estado de Sergipe, da Seinfra para a Agência Reguladora. “Nós iremos trabalhar na proposta de um plano diretor, modificando a realidade existente no transporte intermunicipal, para que nenhum usuário fique desassistido e nem seja prejudicado. A geografia considerada atualmente, é fruto de um desenho de anos atrás”, explica o diretor presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira.

Hamilton Santana ressalta ainda, a necessidade de um sistema de transporte intermunicipal modernizado para o Estado de Sergipe. “Com esse plano diretor, o transporte intermunicipal de passageiros terá uma nova formatação, com uma viabilidade econômica das linhas existentes, para proporcionar aos usuários um transporte melhor, de qualidade e com melhores veículos e preços mais acessíveis. Todas essas questões serão discutidas ao longo da formatação do plano”, finaliza o diretor presidente da Agrese.

Ascom/Agrese

Última atualização: 17 de dezembro de 2021 11:54.

Pular para o conteúdo